Horta em Condomínio: O que você acha de montar uma horta comunitária em seu condomínio? Com um pouco de dedicação é possível unir o prazer de plantar, a interação entre condôminos e uma alimentação mais saudável.

Horta em condomínio.

Horta em Condomínio

Faça uma horta comunitária em seu condomínio

É sempre bom poder comer produtos fresquinhos e livres de agrotóxicos, hoje já existe até um segmento de mercado onde os produtos orgânicos são o diferencial. Uma outra opção que está virando tendência são as hortas comunitárias urbanas, não só no Brasil mas também no mundo inteiro. Está é uma ótima opção para promover a agricultura orgânica, plantar alimentos saudáveis, fazer com que os condôminos participem mais das áreas comuns, proporcionar informação e educação ecológica para as crianças, atividade de lazer para os moradores e proporcionar a interação entre os moradores além das assembleias.

Com o acesso a informação é possível aderir a essa iniciativa. Não existe mais desculpas para montar uma horta em condomínio. Se a desculpa era pouco espaço, já que existem diversas soluções para o plantio em espaços pequenos, como as populares hortas verticais. Também é possível que a rega das hortaliças seja feita com a captação da água da chuva por meio de uma cisterna, o que irá trazer economia a longo prazo e é totalmente sustentável. Desenvolver um projeto de horta comunitária, proporciona benefícios econômicos, estimula hábitos mais saudáveis na infância das crianças e de todas as famílias. Desenvolvemos 10 dicas para que você possa implementar uma em seu condomínio:

1. Aceitação

Converse e espalhe a ideia entre os vizinhos e depois para todos os moradores e organize em assembleia para que o projeto seja aprovado.

 

2. Local

É importante que o local para desenvolvimento seja apropriado, com alta incidência solar.
Se o seu condomínio é grande, procure aproveitar as áreas verdes que não possuam vegetação nativa. Procure também um local onde as pessoas tenham fácil acesso para que todos possam participar (crianças, adolescentes, adultos, idosos e deficientes). Caso no seu condomínio não tiver uma área permeável é possível construir canteiros com tijolos, utilizar uma manta impermeabilizante e a terra. Se o problema for o espaço, existe a opção de plantar em vasos e criar uma horta vertical, os vasos ainda podem ser feitos de “lixo reciclável”, como garrafas PETs. Existem várias técnicas que permitem cultivar alimentos em 1m², então criar uma horta em espaço pequeno é viável.

 

3. Compostagem

O ideal é utilizar adubo orgânico e melhor ainda se for sem custos. Os moradores podem reaproveitar os resíduos sólidos orgânicos que iriam para o lixo e realizar a compostagem.

 

4. Uma sociedade vive harmonicamente com regras

É claro que é necessário estabelecer um planejamento com as escalas de rega da horta para não faltar nem exagerar na água, sem contar é claro quando for a época da colheita, desta forma, marque um dia e horário para os moradores que quiserem participar consigam se programar e dessa forma ser um evento de interação entre todos e celebrar o momento. Mas é importante lembrar que a horta é ser comunitária então caso alguém precise ou queira pegar algum dos alimentos nada mais justo que seja possível. O bom censo é sempre o que manda.

 

5. Espécies adequadas para a horta

É importante entender que existe a profundidade do solo, a época do ano e a região em que você mora. Escolha sementes adequadas e de preferência que sejam certificadas como orgânicas.

 

6. A hora do plantio

Levar as crianças e todos que quiserem participar para plantar as mudas e sementes é uma ótima opção pois este é um trabalho relaxante e uma oportunidade de entrar em contato com a natureza além de proporcionar a interação dos moradores.

 

7. A Manutenção deve ser periódica

A rega de uma horta em condomínio sempre deve ser estabelecida por funcionários do condomínio ou ou pelo responsável do projeto da horta. De preferência no período da manhã (veja artigos sobre rega) para evitar o desperdício de água por evaporação. A manutenção com a retirada de plantas daninhas e a prevenção contra as pragas é extremamente importante o crescimento da horta. Evite a utilização de produtos químicos para eliminar pragas; existem técnicas mais sustentáveis para hortas orgânicas utilizando recursos naturais.

 

8. Hora da colheita!

Quando uma leva das hortaliças estiver pronta para ser colhida, faça isso com outros moradores. Uma ideia é montar kits para distribuir entre os participantes do projeto, casas ou apartamentos ou deixá-los em um local para serem retirados por quem desejar. Aqui, cabe o bom senso, pegue somente o necessário e lembre-se que mais gente também pode precisar do mesmo que você.

 

9. As crianças adoram

A criançada deve fazer parte integrante do projeto, uma forma de estimular os adultos a também irem. Deixe um dia reservado da semana, para que neste dia as crianças do condomínio possam cuidar da horta.. O contato frequente com a natureza é muito importante, saudável e eficaz no aprendizado.

 

10. Divulgação

O que é bom deve ser mostrado e divulgado, então:

  • faça registros fotográficos
  • faça vídeos
  • crie um grupo no whatsapp ou no facebook
  • concurso de foto mais bonita do mê

Dessa forma você poderá mostrar para outros moradores como é o projeto e dessa forma o tornar mais popular.

 

1 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *